Estados e Capitais do Brasil
 

Região Centro-Oeste


1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (7 voto(s), média: 4,43 de 5)
Loading...Loading...

Região Centro-Oeste

Região Centro-Oeste é composta pelos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal, onde está situada a capital do país, Brasília.

Com a mudança da capital do Brasil do Rio de Janeiro para Brasília, em 1960, houve uma grande mudança na região. O aumento da população e a construção de estradas e ferrovias foram intensos. Atualmente, a taxa de urbanização da região é maior que 81%. Sua área total é de 1.612.077,2 km², sendo a segunda maior região brasileira em território.

Relevo

O relevo da Região Centro-Oeste não possui lugares de grandes altitudes. Ele é composto por três relevos predominantes:

  • Planalto Central: ocupa a maior parte da região e é formado por um grande bloco de rochas cristalinas que são encobertas por rochas sedimentares. Existem algumas partes em que as rochas cristalinas aparecem na superfície fazendo com que o relevo apresente ondulações. Nas áreas onde as rochas sedimentares cobrem todo o relevo são formadas as chapadas. As principais chapadas são: Chapada dos Parecis, Chapada dos Veadeiros e Espigão Mestre que divide a Bacia do Tocantins da Bacia do São Francisco;
  • Planície do Pantanal: é uma planície que, periodicamente, é inundada pelo rio Paraguai e tem formação recente. Está situada entre os planaltos Central, Meridional e o relevo pré-andino;
  • Planalto Meridional: vai da região Sul até os estados do Mato Grosso do Sul e Goiás, possui as terras mais férteis da região;

Clima

O clima predominante na Região Centro-Oeste é o tropical, com um verão chuvoso e um inverno seco entre os meses de abril a dezembro. No inverno a temperatura média é de 18ºC e no verão superior a 25ºC. Ao noroeste da Região Centro-Oeste pode ser encontrado o clima equatorial por conta da floresta Amazônica. O índice de chuva na região varia de 2.000 a 3.000 mm ao norte de Mato Grosso e fica em torno de 1.250 mm no Pantanal mato-grossense.

Hidrografia

A hidrografia da região é drenada por vários rios que formam três bacias importantes:

  • Bacia Amazônica: ocupa parte do Mato Grosso e é formada pelo rio Xingu;
  • Bacia do Tocantins-Araguaia: ocupa o norte e o parte do oeste de Goiás e o extremo leste do Mato Grosso;
  • Bacia Platina: está subdividida em Bacia do rio Paraná e Bacia do rio Paraguai:
    • Bacia do rio Paraná: é formada pelos rios Paraguai, Cuiabá, Pardo; Miranda, Apa, Paraná, Verde, Corumbá, Aporé, e Taquari.
    • Bacia do rio Paraguai: é a bacia mais extensa formada pelo rio Paraguai que nasce em Mato Grosso na chapada dos Parecis e tem como principais afluentes os rios Cuiabá, Taquari e Miranda.

Vegetação

Existe uma grande variedade na vegetação da Região Centro-Oeste.
No norte e oeste está presente a floresta Amazônica, porém boa parte da região é coberta pelo cerrado e sua vegetação rasteira: árvores espaçadas com tronco retorcido e folhas duras e arbustos baixos.

No Mato Grosso do Sul existe uma localidade isolada de campos limpos conhecido na região como vacaria. Essa região é parecida com os pampas gaúchos. No verão são alagáveis e possui diversificada vegetação, apresentando pontos de cerrado, caatinga e campos.

População

De acordo com o IBGE, é uma região pouco povoada, tem densidade demográfica em torno de 8 hab./km². Goiás é o estado mais populoso, seguido do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul. O Distrito Federal possui número de habitantes parecido com todo o estado do Mato Grosso do sul.
Suas principais cidades são: Brasília, Cuiabá, Campo Grande, Goiânia.


Estados da região

# Sigla Estado Capital
Estado do DF DF Distrito Federal Brasília
Estado do GO GO Goiás Goiânia
Estado do MT MT Mato Grosso Cuiabá
Estado do MS MS Mato Grosso do Sul Campo Grande