Estados e Capitais do Brasil
 
Santa Catarina

Santa Catarina


1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (14 voto(s), média: 3,93 de 5)
Loading...

Santa Catarina é um estado brasileiro localizado na Região Sul. Ocupa uma área territorial de cerca de 92.700 km², com uma população de mais de seis milhões de pessoas, distribuídas em 393 municípios. Os nativos são chamados de catarinenses, mas também usa-se a denominação “barriga verde” para eles. Sua capital é a cidade de Florianópolis.

A colonização foi feita quase que totalmente por imigrantes europeus. Os portugueses açorianos colonizaram o litoral no século XVIII; os alemães estabeleceram-se no Vale do Itajaí, em parte da região sul e no norte catarinense; os italianos, por sua vez, colonizaram o sul do estado. O oeste do estado foi colonizado por gaúchos descendentes de italianos e alemães.

Há divergências quanto ao responsável pela denominação de Santa Catarina. Alguns historiadores atribuem o nome do estado a Sebastião Caboto, que teria feito isso em homenagem à esposa, Catarina Medrano; outros dizem ter sido uma homenagem a Santa Catarina de Alexandria.

O estado proporciona aos seus habitantes uma das melhores qualidades de vida do país. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), com média de 0,840, é o segundo maior no ranking nacional, ficando atrás apenas do Distrito Federal (0,874). A taxa de alfabetização é de 95%, a terceira mais alta do Brasil. Já o analfabetismo atinge apenas 5% da população. A mortalidade infantil é de 15 crianças para cada mil nascidas vivas, sendo inferior à média nacional (22).

O estado possui uma grande diversidade geográfica. Seu território consiste em um dos mais acidentados do país, no entanto, nas proximidades do litoral as planícies costeiras se fazem presentes. As serras são encontradas entre o planalto e a planície. O relevo predominante são terras planas e altas, que originam o Planalto Ocidental. O ponto mais alto de Santa Catarina, o Morro da Igreja, na Serra da Anta Gorda, possui 1.822 metros de altitude.

Quanto ao clima, predomina o subtropical, que torna as temperaturas mais amenas, variando entre 13º e 25ºC. Os índices pluviométricos são relativamente elevados e as chuvas são distribuídas ao longo do ano. Diferente da maioria dos estados brasileiros, nos quais são percebidas basicamente duas estações do ano, em Santa Catarina é possível perceber as quatro estações bem definidas. Os verões são quentes e os invernos, rigorosos. Nos pontos mais elevados, pode até ocorrer precipitação de neve.

A vegetação do estado compreende dois tipos de formação: florestas e campos. A Mata Atlântica – encontrada nas planícies costeiras, nas encostas e nas serras –, é constituída por árvores de grande porte e ocupava 65% do território do estado, mas foi bastante reduzida pelo desmatamento. Atualmente, os incentivos governamentais e o desenvolvimento da indústria madeireira têm revertido esse quadro. O plantio de árvores tem crescido de maneira significativa e, consequentemente, isso tem contribuído para aumentar a qualidade de vida da população catarinense.

Os rios que cortam o território pertencem a dois sistemas independentes, que têm como divisores de águas a Serra Geral e a Serra do Mar. Existem duas bacias hidrográficas principais: a Bacia Atlântico Sul e a Bacia do Uruguai. Os rios que fazem parte da Bacia do Sudeste desaguam diretamente no mar.

Com atrativos diferenciados e de fácil acesso, o estado tem uma grande vocação para o turismo, tanto para férias mais tranquilas quanto para aventuras ligadas à natureza. Além das praias, há oito estâncias hidrominerais, 14 áreas federais e 5 estaduais de proteção ambiental, além de dezenas de parques ecológicos municipais.